CARACTERIZAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE REAÇÕES TRANSFUSIONAIS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO EM NATAL/RN

Autores

  • ANA ELZA OLIVEIRA DE MENDONÇA
  • MAISA ARANTES DA SILVA
  • ENELUZIA LAVYNNYA CORSINO DE PAIVA CHINA
  • GILSON DE VASCONCELOS TORRES

Palavras-chave:

Incidência, reação transfusional, hemocomponente

Resumo

Introdução: Por utilizar produtos de origem humana a transfusão de sangue envolve risco sanitário. É necessário conhecer os tipos de reações transfusionais, os hemocomponentes relacionados às mesmas e sua incidência, visando a introdução de medidas preventivas e corretivas que reduzam esses riscos. Estima-se que de 1 a 3% das transfusões de sangue dão origem a uma reação transfusional (AMORIM FILHO, 2000). Objetivo: Caracterizar a incidência de reações transfusionais através das análises das fichas de notificação de um hospital universitário em Natal/RN. Metodologia: Estudo descritivo realizado no setor de hemovigilância do HUOL, no período de 2004 a 2006, com dados da ficha de notificação de reações transfusionais. Resultados: Do total de 17.545 hemotransfusão foram notificados 36 reações transfusionais com incidência geral de 0,21%, sendo 13 em 2004 (0,23%), 11 em 2005 (0,19%) e 12 em 2006 (0,20%). Levando em consideração apenas os hemocomponentes envolvidos nas reações transfusionais, as incidências gerais foram nos componentes de concentrado de hemácias (0,28%), plasma fresco congelado (0,28%), concentrado de plaquetas (0,22%) e concentrado de hemácias pobre em leucócitos (0,08%). A reação febril não hemolítica (52,7%), seguida pela reação alérgica (41,6%) e da sobrecarga volêmica (5,5%). Conclusão: Comparado com dados gerais obtidos na literatura pode-se concluir que há provavelmente subnotificação das reações transfusionais. Este fenômeno pode se dever a falhas na detecção da reação pelo profissional de enfermagem e/ou médico ou mesmo ao hábito de não desencadear o processo de notificação como registro formal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Como Citar

MENDONÇA, A. E. O. D., SILVA, M. A. D., CHINA, E. L. C. D. P., & TORRES, G. D. V. (2014). CARACTERIZAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE REAÇÕES TRANSFUSIONAIS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO EM NATAL/RN. Fiep Bulletin - Online, 78(2). Recuperado de https://www.fiepbulletin.net/fiepbulletin/article/view/3866

Edição

Seção

TRABALHOS PUBLICADOS