MÉTODO PILATES: UM ESTUDO SOBRE A INFLUÊNCIA DOS EXERCÍCIOS NA FORÇA MUSCULAR DE MULHERES

Cristiane Monteiro Carvalho, Sebastião Claudio Batista Ferreira, Gisele de Paula Vieira, Maria Auxiliadora Terra Cunha

Resumo


O método Pilates vem sendo amplamente difundido com a finalidade de incrementar a força muscular e outras valências físicas. O presente estudo busca identificar a influência dos exercícios deste método de treinamento sobre a força muscular de mulheres. A amostra foi composta por trinta sujeitos voluntários selecionados aleatoriamente, do gênero feminino, saudáveis, com idade mínima de vinte e cinco e máxima de sessenta e oito anos, praticantes do método, regularmente, por no mínimo seis meses. Foi dividida em três grupos de acordo com a faixa etária. Considerando que o centro de força do método se encontra na musculatura abdominal, as voluntárias foram submetidas a uma avaliação da força muscular abdominal, pósrealização da aula de Pilates, a partir do teste de flexão parcial de tronco. Os resultados obtidos foram pontuados, tabulados e analisados estatisticamente intra e intergrupos através do teste t de Student, onde se verificou desempenho significativo (p < 0,05) intragrupos, com força muscular acima da média e na análise intergrupos demonstrou significância apenas na análise entre adultas jovens (AJO) e terceira idade (TID) com p= 0,387. O método Pilates mostrou-se eficaz como forma de treinamento da força muscular, principalmente em mulheres da terceira idade.

Palavras-chave


Técnicas de exercício e de movimento/método; Força muscular; Análise e desempenho de tarefas;



Texto completo: PDF


Facebook Twitter LinkedIn

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

FIEP BULLETIN.

ISSN-0256-6419 – Impresso

ISSN 2412-2688 - Eletrônico

Fédération Internationale d’Education Physique - FIEP
fiepbulletin.net © 2007 - 2015.